Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Ice AVenturaS

A Aventura de estar no topo do meu Iceberg... Ou seja, da minha mente! Pensamentos, reflexões, experiências, assuntos sérios ou maluquices da pessoa, mãe e psicóloga... Uma viagem talvez alucinante e meio louca!

Ice AVenturaS

A Aventura de estar no topo do meu Iceberg... Ou seja, da minha mente! Pensamentos, reflexões, experiências, assuntos sérios ou maluquices da pessoa, mãe e psicóloga... Uma viagem talvez alucinante e meio louca!

Efemeridade da vida...

Tive de fazer uma viagem de 90km na terça...

Ia para ir pela A13, mas mal entro na Autoestrada, aparecem avisos: "estrada cortada em Penela".

Não arrisco, não tento... Tenho medo e tenho um horário a cumprir... Saio na primeira saída. Regresso para apanhar a A1.

 

 

Já na A1 e a caminho,  apanho trovoada e chuva forte e naquele momento, tenho medo, recordo "trovoadas secas", penso no meu filho e marido... Tremo com cada raio que me parece cair na frente entre a chuva grossa e as luzes dos outros carros... 

Lembro como a creche tem tanta árvore e zona de mato à volta, apesar de longe dos fogos... Penso no meu filhote. 

Lembro como o meu sogro gosta de piqueniques na serra... Como ainda este feriado estivemos numa praia fluvial em plena Serra na zona que arde há dias... Penso que quero tudo menos ir para serras... 

Tenho medo. Lamento cada perda, cada vida tirada de um modo tão violento... 

 

Não quero ouvir, não quero saber. Mas anseio saber, estar ao corrente com uma ânsia principal... A que todos temos... Já acabou? 

 

Tenho de ir trabalhar, nada a fazer. Dia fechada em avaliações, sem contacto com notícias... 

 

 

Volto ao fim do dia com 39° a marcar no carro... Fumo, cinza por todo o lado e estou a km dos fogos...

Tenho família, amigos e clientes nas zonas que ardem...

Nunca mais acaba? 

 

Não quero saber de culpas agora, quero saber que está controlado. Que não houve mais mortes. Que acabaram os feridos e as fugas pela vida... 

 

Quero que me digam qual o plano de fuga melhor, qual o percurso ou o que devem as pessoas fazer perante o fogo que avança, em vez de ver imagens de fogos altos e corpos carbonizados, carros desfeitos... 

Quero saber como e em que posso ajudar, que difundam as listas divulgadas pelas autarquias e bombeiros acerca das necessidades sentidas... 

 

As culpas... ficam para depois... Depois, quando houver tempo para o luto se fazer em pleno e vierem os "porquês" que não têm resposta, a raiva pela injustiça da vida, e a depressão por tamanha perda... 

 

É a tua vez! Escreve um comentário!:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.